Eu não acredito que Stephen Hawking faleceu. 

É claro que desde hoje cedo estou pensando a respeito de como escrever sobre a morte de Hawking.
A verdade é que não sei da vida dele para além do que é mostrado no filme A Teoria de Tudo e que não sei de seus estudos ou teorias.
Mas certamente eu sempre soube da figura dele. Do físico brilhante que venceu inúmeras barreiras e que, contrariando todas as chances, se tornou mundialmente e eternamente famoso.
No fim das contas ele era a encarnação da vitória da mente humana sobre todas as adversidades. E a existência dele era um conforto e uma fonte de inspiração.
Talvez seja estranha a notícia de sua morte justamente por isso, porque ele é um imortal.
Assim como outras figuras das artes, da filosofia e da ciência, seu nome, sua vida e suas idéias serão comentadas e debatidas vivamente ainda por muito tempo.
E nós estamos acostumados com o fato de que a grande maioria das figuras famosas que veneramos, admiramos, estudamos, está morta.
Mas este gênio imortal, Stephen Hawking, estava vivo e, infelizmente, faleceu hoje. Ele compartilhou do nosso tempo. Eu respirando aqui na minha casa e ele lá na dele. Esse é um sentimento que que a gente não aprecia todo dia.
Ainda mais por esses motivos, sua morte é uma grande tristeza e um tremendo choque.

Mas, vamos aguardar, quem sabe ele realmente quebrou a barreira da viagem no tempo e a gente ainda esbarra com ele de novo no futuro…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s