Medo da chuva. 

O medo de estar fora de casa em um dia de chuva. 
Outra quarta feira.
Depois de ver o meu bairro alagado, um pingo de chuva já me faz antever uma noite de desgraça, molhada, presa na rua da amargura até altas horas da madrugada.
Ah! Praça da Bandeira! Não alague! Me deixe retornar!
O bom do post de hoje é que tem um pouco mais para você ler aí preso no engarrafamento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s